" Mister do Café: Ojogo volta a derrapar - Fair-play financeiro azul, negociatas e o "défice" leonino

terça-feira, 29 de março de 2016

Ojogo volta a derrapar - Fair-play financeiro azul, negociatas e o "défice" leonino





O jornal Ojogo tem andado bastante calmo nos últimos tempos, no que ao Sporting diz respeito. Mas não há fome que não dê em fartura e hoje os jornaleiros Mário Duarte e Rui Miguel Gomes voltaram à carga (é preciso duas carolas para escrever este lixo!?). Vejamos:

Segundo o jornal, o Sporting está obrigado a tapar um buraco de 30 Milhões. 14M do processo com a Doyen e 16M derivado do "fracasso no apuramento previsto para a fase de grupos da Liga dos Campeões".

É caso para...



O artigo começa com a palavra "derrapagem". A palavra é normalmente associada à diferença entre os valores previstos e os valores realizados. Por falar em derrapagem, cliquem aqui (link).


Fica um excerto da notícia:

Caso Doyen (14 Milhões)


De facto, o Sporting não estava à espera de perder o diferendo com a Doyen e por isso não fez uma provisão no exercício 14/15. Quando o Sporting foi notificado da decisão desfavorável do TAS, a SAD efectuou uma provisão no valor de 14,2 Milhões de Euros. 

Não acredito que a decisão do recurso interposto pelo Sporting seja conhecida até ao final do exercício económico. Veremos quem tem razão no caso.

Até aqui é pacifico. Há uma "derrapagem" de 14,2 Milhões relativamente ao orçamentado.

Ausência da Champions (16 Milhões) 


Segundo os jornaleiros, o Sporting tinha orçamentado uma participação nas provas europeias na casa dos 16 Milhões. Este valor seria conseguido com a passagem à fase de grupos da Champions (2M pela passagem no play-off + 12M de prémio de entrada na fase de grupos). Só aqui estariam 14 Milhões sem contar com os prémios de desempenho nos jogos. Parece-me um valor bem orçamentado. Por exemplo, o Porto fez 17,5 Milhões na Champions desta época.

Agora, considerar que o Sporting tem um "buraco" de 16 Milhões pela eliminação no play-off é de uma estupidez sem limite. Então os cerca de 8,5 Milhões conseguidos na campanha europeia (play-off e fase de grupos da Liga Europa) não contam? Não é dinheiro?

Ou esse valor também estava orçamentado. Se calhar o Sporting tinha ideias de jogar a Champions e a Liga Europa ao mesmo tempo.

A pergunta que se impõe é simples: Foi esquecimento ou foi propositado senhores jornaleiros?

Utilizando as contas de merceeiro dos jornaleiros:

-16-14+8,5= - 21,5 Milhões 

O buraco já baixou para dos 30M para os 21,5M. Está a melhorar...

O que não interessa dizer


No ReC semestral apresentado pelo Sporting é possível verificar que sem o processo Doyen, as contas estariam perfeitamente controladas. O Sporting teve um prejuízo de 18,1M. Se a este montante  retirarmos os 14,2 Milhões da provisão para a Doyen, a SAD teria um resultado negativo de apenas 3,9 Milhões. Se pensarmos que os 5M da venda de Fredy Montero não foram contabilizados no primeiro semestre e que não foi contabilizada nenhuma verba relativa ao patrocínio da NOS...

O que eles querem realmente branquear (Fair-play financeiro à moda do Dragão)


RLE 3 grandes *Apenas 1ºsemestre
No quadro anterior é possível verificar o RLE anual das épocas 13/14 e 14/15 dos 3 grandes e o valor relativo ao primeiro semestre da época actual. 

SPORTING - Os períodos em análise referem-se ao período de gestão de Bruno de Carvalho e como podem verificar esta administração continua a dar lucro ao Sporting, mesmo após os rombos que foram a decisão dos TAS e da eliminação da Champions. 

BENFICA - O Benfica é o clube que melhor se comporta neste período muito graças às recentes conquistas.

PORTO - Aqui está a questão central que os jornaleiros de Ojogo querem varrer para debaixo do tapete. Os critérios de fair-play financeiro são muito simples. Na próxima época para que o Porto não fique sobre o escrutínio da UEFA, terá que ter um somatório em termos de RLE nas últimas 3 épocas (13/14, 14/15 e 15/16) que não ultrapasse os 30 milhões de euros negativos. E como podem verificar, neste momento já ultrapassaram em quase 9 milhões o tecto máximo da UEFA. Este sim seria um tema bom para os jornaleiros de Ojogo se debruçarem, ainda para mais quando são o pasquim oficioso do Porto...

Ou será isto!?



Segundo um artigo do jornal Record de hoje, a transferência de Casemiro do Porto para o Real Madrid deu umas ricas comissões a uns "artistas internacionais". A Vela Management Limited, empresa do universo Doyen do Nelinho Lucas, recebeu 1,260 Milhões de euros. Desse montante a empresa sediada em Malta (só podia), distribuiu 700 mil euros "pela prestação de serviços de gestão e acompanhamento desportivo do atleta Casemiro" à Energy Soccer que é nada mais nada menos a empresa de Alexandre Pinto da Costa, filho do Jorge Nuno.

Bonito não é!?



Se querem saber mais sobre o jornalixo de Ojogo podem clicar nos seguintes links:

Os jornaleiros e o jornalixo português - Rating BBB - Bruxos, Bufos e Bardamerdas

OJOGO, MAISBASTIDORES e Pedro Guerra - 1,2,3, a pasquinada ataca outra vez!

OJOGO vai "atrás do prejuízo" e mais uma vez é desmascarado.

O poder da palavra "só" no jornal OJOGO


OJOGO não pára de meter carvão - As comissões pagas pelo "Bruno" e a "bronca" a Semedo

O jornalixo de OJOGO - Exames, Barreiros, "Despachados" e afins

A diferença entre "prata da casa" e "inventar lateral" no jornal OJOGO 

"Simplesmente Bruno" - O jornalixo de OJOGO desmascarado e a gestão de topo dos rivais!  



Agradecer a todos pelo apoio. Se ainda não seguem o Mister do Café nas redes sociais, podem começar já.

Link do Facebook: (cliquem)
Link do Twitter: (cliquem)

10 comentários:

  1. Já todos sabemos o que a casa gasta.
    O SL Benfica tem vindo a ganhar títulos ultimamente e quando não ganha luta até ao final pelo título e o jogo tem sempre descascado no Benfica. Desta vez o alvo é também o Sporting.
    O porto é que zero, mas alguns teimam em acreditar que o Benfica domina tudo...Também achei piada à notícia do JN sobre o Renato...

    Mas enfim foquemo-nos nas finanças. Pelo que li do Mister o jogo enganou-se completamente. Não sei os pormenores todos, mas parece ser bastante claro o quadro.

    Só que o Mister também se enganou. O que é perfeitamente normal, poos errar é humano. E errou onde ? Quando escreve:

    "Mesmo assim é de salientar que sem a qualificação para os oitavos de final da Champions o clube estaria com prejuízo no primeiro semestre desta época"

    O Benfica no 1 semestre não contabilizou o prémio da passagem aos oitavos final, como tal agradecia que emendasse para não enganar futuros leitores do blogue. Espero que não acredite somente nas minhas palavras, mas sim que aceda à informação pública para confirmar esses dados. O Benfica já contabilizou mais de 20M só na Liga dos campeões, mas ainda não contabilizou nem os oitavos nem os quartos e falta ainda a bilhética e market pool desses jogos.
    Portanto os 4.6M é fruto de trabalho, do aumento das receitas e diminuição de alguns custos, não de reestruturações financeiras. Avizinha-se mais um exercício de lucro o que é de salutar. Confirma-se portanto que somos o clube que melhor se comporta.

    Cumps e bom trabalho

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Tem razão! O montante do prémio de qualificação para os 8vos não está incluído nas contas do semestre o que é muito, muito estranho. Ao fazer o artigo nem me dei ao trabalho de confirmar até porque o prémio foi realizado durante o semestre em análise no ReC, como o próprio refere.

      Parece-me que foram feridos dois princípios contabilísticos com esta omissão. O principio da consistência (na época anterior o valor da UEFA foi todo declarado) e o principio da especialização (Os proveitos e os custos são reconhecidos quando obtidos ou incorridos).

      Cheira-me a esturro.

      Assim que tiver algum tempo vou verificar isso melhor.

      Eliminar
    2. Não percebo porque deveria cheirar a esturro.

      Tanto o Benfica como o Sporting quando se qualificam, por exemplo, para a Liga dos Campeões, por terminarem o campeonato em 1 lugar ou 2 lugar não registam logo o prémio de acesso à fase de grupos.
      O único clube que o faz é o porto.

      O prémio de apuramento só é registado na época seguinte quando realmente disputam a competição.

      Portanto é de pressupor que o Benfica mesmo tendo garantido a passagem aos oitavos em Dezembro, ou seja no 1 semestre, apenas registe o prémio de passagem quando se realizar o jogo dos oitavos, ou seja no 3 Trimestre da época corrente.

      Espero que a explicação esteja de acordo com os principios consistência e da especialização.

      Sinceramente confesso não ter dados sobre o Sporting aquando da passagem aos dezasseis avos da Liga Europa. Se calhar poderia esclarecer-nos para verificarmos então se está de acordo com os principios da consistência e especialização.

      Fico a aguardar então que verifique isso melhor.

      Cumps

      Eliminar
  2. O recurso da Doyen não deve sair antes do final do exercício. Se assim for e se houver prejuízo, nada impede o Sporting de entrar com o dinheiro da provisão no balanço. Portanto, na realidade dessas contas, são apenas ~8M€ que o Sporting precisa de tapar.

    ResponderEliminar
  3. Caro MdC


    O FCPORTO está tranquilo, há vários jogadores que podem ser vendidos e que facilmente irão gerar vários milhões.

    Brahimi e Herrera deverão ser os mais transferíveis mas há vários outros que podem gerar muito dinheiro.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Sugiro que vá ler posts sobre as percentagens dos passes desses jogadores "mais transferíveis". O Brahimi é um excelente exemplo, recomendo um salto ao Artista do Dia (se não fores um dos que lá anda e depois vem para aqui fingir que não sabe de nada).
      E sabe quanto custou o Herrera e outros que tal? Vai ser complicado gerar lucro.

      Eliminar
    2. É raro o jogador que pertence 100% ao Porto além do mais o preço de aquisição não permite realizar grandes mais valias e com uma terceira época sem títulos desta vez sem se querer irem alem dos dezasseis avos da Liga Europa gostava de saber como é que esses jogadores vão render tanto quanto Danilo ou Jackson...

      Além do mais o Porto agora vai andar a vender 4 ou 5 jogadores Importantes todas as épocas, só para não ter prejuizos?

      Foi o Mangala, Defour, Danilo, Jackson, etc...
      Esta época é Alex Sandro, Imbula, Brahimi, Herrera, etc...
      Próxima época é Ruben Neves e mais quem ?

      O que vale é que não se têm de preocupar com o fair-play. O Sporting esteve sob investigação e nem teve que pagar multa nem nada.
      Têm este ano um prejuizo global das ultimas 3 epocas superior a 30 anos e ficam sob investigação da UEFA. Contudo na época 2016/2017 têm lucro e saiem incólumes sem ficarem proibidos de ir à LC/LE e sem pagarem multas.

      No meio disto tudo quem irá preparar muito melhor a época 2016/2017 será o Benfica. Cada ano estaremos sempre melhor preparados para atacar o campeonato :)

      Eliminar
    3. A nível de jogadores o FCPORTO tem em quantidade e qualidade. Se sairem 4 ou 5 jogadores, temos alternativas.

      A nível de vendas o FCPORTO se não for o melhor clube a nível mundial está no top 3 nos últimos 10 talvez 15 anos.

      Mesmo ao nível dos jogadores da formação, a valorização tem sido consistente, tantos jogadores do FCPORTO B e dos juniores.

      Vários emprestados têm vindo a valorizar-se também.

      A nível de infra-estruturas ainda pode englobar os restantes 50% do Porto Estádio.

      A nível de contas do clube, o FCPORTO tem tido resultados positivos, logo, se quiser pode fazer aumentos de capital no FCPORTO SAD.

      A nível de financiamento, há os financiamentos bancários, os empréstimos por obrigações, os acordos com com os vários TPO (agora não podem ser donos de percentagens de passe, passam a financiadores).

      Eliminar